fbpx

Em 2021, conforme pesquisa de satisfação
91% dos clientes atendidos comprariam novamente.

Crie agora seu projeto online!

Entenda o que evitar

Planejar os móveis para a sua casa, apartamento, escritório ou comércio é uma etapa muito importante, afinal, os móveis planejados duram por muito tempo e farão parte do seu espaço por um bom tempo.

É preciso que os móveis planejados sejam resistentes, bonitos, que atendam às suas necessidades e tenham garantia, como os da Newlar.

Ao fazer o primeiro planejamento, é comum que haja dúvidas, mas é preciso seguir algumas orientações. Alguns aspectos devem ser levados em consideração e alguns erros devem ser evitados neste momento de planejamento, confira quais:

Instalar móveis planejados em paredes comprometidas

Os móveis planejados ficam bem próximos das paredes, muitas vezes são instalados nelas. Por isso, é preciso verificar se a parede está propícia para receber os móveis planejados: a parede não pode estar mofada, nem úmida ou descascando.

O ideal é que a parede seja tratada e pintada previamente e que problemas de infiltração que possam comprometer o móvel ou os móveis sejam resolvidos.

Ignorar os pontos de luz, água e gás

O ideal é que o seu móvel não cubra interruptores, pontos de água ou de luz. Se for necessário instalar um móvel em uma parede que tem uma tomada, por exemplo, verifique a possibilidade de embuti-la no móvel.

Em cozinhas, é preciso cuidado redobrado com as saídas de água e de gás. É importante deixar um espaço disponível para eventuais manutenções da rede hidráulica, elétrica e de gás.

Um erro muito comum nas cozinhas é a falta de planejamento na hora de inserir os pontos hidráulicos, elétricos e de gás. É preciso pensar na cozinha como um todo e em seu funcionamento e não esquecer de onde estará cada um dos eletrodomésticos e itens necessários.

Inclua o máximo de pontos de energia no seu projeto sempre que possível. Tomadas nunca são demais.

Ignorar a iluminação

Imagine que o seu projeto tampa a luz da única janela disponível. Não dá, né? Uma cozinha escura é desconfortável. Por isso, realce a iluminação natural proveniente das janelas.

Além da luz central, que pode ser de LED amarela, prever luzes indiretas posicionadas em armários laterais agrega um ar mais sofisticado ao ambiente, além de clarear a área.

Escolher materiais inadequados e frágeis

Lembre-se do barato que sai caro. Uma das vantagens de fazer um projeto de móveis planejados é poder escolher desde a cor até o material, puxadores e dobradiças que serão utilizados no projeto.

Escolher materiais mais baratos, mesmo que eles sejam atraentes, é um erro. Escolha um material resistente, compatível com as suas necessidades.

Uma ferragem de qualidade pode durar até dez vezes mais que um material inferior, por exemplo. Antes de fechar um projeto, tenha certeza sobre as matérias-primas que serão utilizadas nele, com cada detalhe registrado em contrato. Não se deixe enganar!

Não calcular bem o espaço para circulação ou manobra

Imagine bater com o dedinho na quina o tempo todo, ou bater a cabeça nos armários. Evite esses erros ao calcular bem o espaço disponível, mas não apenas isso: uma área extra para manobra deve ser calculada, também.

Conte com ajuda profissional para avaliar se as dimensões das peças não vão atrapalhar a circulação nos cômodos do seu espaço.

Fornecer medidas erradas

Para que o projeto dê certo é preciso que as medidas estejam corretas. Medidas erradas podem comprometer o projeto, e o pior: muitas vezes o erro só é percebido na entrega, gerando frustração, retrabalho e outros transtornos.

A maioria das empresas de móveis planejados levam seus próprios profissionais ao local de instalação para fazer o processo, mas é sempre bom que você confira também o resultado.

Além das medidas básicas de altura e largura, a profundidade do móvel, especialmente no caso dos armários, também é muito importante.

Não pensar na ergonomia

Ficar abaixando e levantando o tempo todo, móveis baixos ou muito altos atrapalham – e muito – a rotina de quem os utiliza. Ao planejar seus móveis sob medida, leve em consideração a média da altura de quem irá utilizar aquele ambiente.

Imagine se lesionar dentro da sua própria casa? Procure adaptar os móveis às suas necessidades, não o contrário. Um erro bem comum no planejamento da cozinha é a altura dos armários.

Se os armários precisam ser altos, é importante ficar atento ao tipo de abertura dele, pois pode ficar bem difícil fechá-lo, atrapalhando a funcionalidade e praticidade do espaço.

Exagerar no número de peças

Bom senso e harmonia para equilibrar a quantidade de peças em cada ambiente é um fator muito importante que deve ser observado.

Quando há um grande espaço sobrando, muitas pessoas pensam em preenchê-lo com o uso dos móveis. No entanto, escolher por vaidade e não por eficiência e necessidade pode poluir o espaço com móveis sem função.

Optar por cores e designs datados

Algumas tendências têm “prazo de validade”, ou seja: são interessantes agora, mas não nos anos vindouros. É claro que cada um possui um gosto diferente, mas, no geral, alguns estilos funcionam melhor do que os outros.

Branco, nude, marrom, cinza, preto e creme são cores atemporais e que vão bem em diferentes cômodos e necessidades.

Por isso, conversar com um profissional para imprimir a sua personalidade no seu projeto de forma harmônica e elegante é a melhor maneira de evitar cair em erros e causar outros transtornos.

Não contar com ajuda um profissional de qualidade

O primeiro erro na hora de fazer um projeto de móveis planejados é não contratar um profissional capacitado para realizar o projeto.

Os móveis planejados feitos pela Newlar oferecem uma qualidade superior, garantia de dez anos e um acabamento de ponta nos puxadores, maçanetas, portas e dobradiças. Tudo o que você precisa para ter ainda mais tranquilidade no seu apartamento.

Quer investir em um projeto de móveis planejados para o seu imóvel? Entre em contato com a gente, tiramos os seus planos do papel com fidelidade, cumprimento de prazos e muita qualidade!

Solicite seu orçamento.